segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

Cidades com Nomes Exóticos

De Exóticos só os nomes...

Ao pedir uma informação no Maranhão para saber como chegar ao Rio Grande do Sul você poderá receber a seguinte orientação: "O senhor pega a estrada em Arranca (MA), vai até Pugmil (TO), daí segue até Afligídios (BA), de lá corte caminho por Facão (MG), siga até Arco Íris (SP), tome a direita rumo a esquina do Céu Azul (PR), dobre e pegue a estrada para Xanxerê (SC). Quando o senhor chegar a Não Me Toque já estará no Rio Grande do Sul."
Fonte:- Estradas
E como não poderia faltar Ponta Grossa-PR , se não exótica, no mínimo curiosa.
Conta-se uma das versões para origem do nome. Segundo Manoel Cyrillo Ferreira, fala que: O qrande proprietário de terras o Sargento-Mor, Miguel da Rocha Ferreira Carvalhaes, teria determinado a seu capataz, Francisco Mulato, "que escolhesse um ponto bem apropriado para nova morada de sua Fazenda". Francisco Mulato, percorrendo os campos da região, teria escolhido local próximo de onde hoje se encontra a Igreja de São Sebastião, antiga Chacará Dona Magdalena, e teria dito: "Sinhô bem sabe porque é encostado naquele capão que tem Ponta Grossa". Francisco Mulato estava certo local plano, encruzilhada, "porta para o interior".
E por aqui temos um ponto turístico com um nome também um tanto exótico "O Buraco do Padre"
A origem do nome Buraco do Padre pode estar ligada ao costume dos padres jesuítas se dirigirem ao alto do platô, para concentração e meditação, ou simplesmente para o descanso. Não raro, eram vistos por indígenas e caboclos, que passaram a chamar o local de Buraco do Padre.
Na minha versão o nome Buraco do Padre é devido a estradinha ruim, a pontinha estreita que mal passa o carro, é realmente um "C" pra chegar. Mais se conseguir chegar vale a pena, é muito bonito. Não é minha praia, porque não gosto de mato. Já fui até lá meio que "arrastada pelos cabelos" , sabe aquele passeio que ta todo mundo indo e não tem jeito de recusar. Mais apesar dos tropeços depois que se chega, tenho que admitir que até vale a pena.





Um comentário:

DO disse...

Achei muito interessantes,Eliane. O Brasil é um verdadeiro paraiso pra estas historias,rsss
Beijao!!